Menu
Menu
Cabelos Cacheados / Cabelos Crespos / Penteados

Box braids: o que é e quais os estilos de trança

As tranças box braids estão cada vez mais populares e são tendência entre modelos e celebridades. Esse penteado não é nenhuma novidade para as brasileiras, porém agora é possível encontrar ainda mais salões especializados, trancistas e materiais diferenciados para se jogar nas tranças soltas.

E investir nesse estilo é um ótimo caminho para facilitar o dia a dia de quem está passando pela transição capilar. Mas antes de qualquer coisa, é preciso entender os múltiplos modelos de materiais que você pode escolher e os cuidados que as tranças exigem. Separamos um guia perfeito para iniciantes, vem saber tudo sobre as box braids!

Veja também:

Henê no cabelo faz mal? Saiba tudo sobre o produto

Cabelo chocolate: como fazer a cor nos fios

Hidratação com maizena para alisar: como fazer

As tranças box braids são um tipo de penteado protetor

Existe um motivo para as tranças box braids serem ideais para passar a transição capilar, e não estamos falando apenas do fato de esconder as duas texturas. A principal caraterística de estilos como as box braids, os twists, dreads removíveis e tranças nagô, é a sua capacidade de proteger o crescimento do seu cabelo. Por conta disso, as tranças são conhecidas como um tipo de penteado protetor. 

O trançado evita a alta manipulação das madeixas no dia a dia, contendo a quebra e a ação de raios solares e temperaturas elevadas. Portanto, além da transição capilar, as tranças também são indicadas para as donas de cabelos crespos e cacheados em viagens a locais com praia e piscina.

Conheça os diferentes tipos de box braids

Não existe apenas um tipo de box braids, você pode investir em diferentes estilos, espessuras de trança e infinitas cores para mudar de look. Brincar com os comprimentos também é uma forma legal de mudar o visual e as tranças te permitem ir do chanel ao cabelo super longo. Veja 4 tipos diferentes de materiais:

1. Jumbo

O jumbo é a escolha de material mais comum quando falamos das box braids. Ele é um material sintético com menos brilho e mais leveza, o que não deixa suas tranças pesadas. Outra característica importante, é que com o jumbo você tem uma variedade muito maior de tons para escolher, inclusive com opções em degradê.

2. Kanekalon

O kanekalon foi um dos primeiros modelos de cabelo sintético a ser usado no Brasil para alimentar as box braids. Ele perdeu bastante espaço para o jumbo por ser bem mais pesado e ter um brilho muito acentuado, deixando uma aparência menos natural no penteado. E um ponto que conta contra o material são as poucas opções de cores disponíveis. 

3. Linha

A linha de costura pode ser usada para fazer as suas box braids também! Esse estilo de trança tem um acabamento com a espessura muito mais fina e facilita bastante os penteados. Um dos grandes benefícios é a facilidade de encontrar o material em qualquer cidade e o preço, que é mais em conta.

4. Box braids com lã

Outro material inusitado que pode ser usado para as box braids é a lã. Ela tem as mesmas vantagens que a linha quando falamos de facilidade para ser encontrada em qualquer lugar do país. Porém o acabamento é completamente oposto, com a lã as suas tranças ficam mais grossas e leves. 

Cuidados com as tranças sintéticas: aprenda a lavar

As tranças exigem pouquíssimo cuidado durante o uso do penteado. Você precisa apenas lavar os fios uma vez por semana, usando apenas shampoo. Cremes, máscaras e condicionadores podem afetar a duração das suas tranças, fazendo com que seus fios escorreguem do material. Além disso, os cremes podem grudar nas tranças e ter mais dificuldade para sair no enxágue. Se quiser tratar os fios enquanto usa o penteado, a dica é hidratar a raiz com tônicos e óleo de coco.